Recapitulação e final de ‘A vida que você queria’ explicados: Pietro está morto?

Os programas italianos na Netflix nunca fizeram tanto sucesso. Apenas algumas semanas atrás, a Netflix lançou The Brigands, que não recebeu boas críticas por causa do roteiro aleatório. No entanto, sua aventura na comédia foi um grande sucesso graças a um show brilhante chamado Framed, uma comédia excêntrica ambientada na Sicília. Seguindo o tropo das novelas latinas, o novo programa italiano The Life You Wanted, dirigido por Ivan Cotroneo, é sobre uma mulher em plena transição que lida com seu passado, o que pode atrapalhar seus relacionamentos atuais.

Spoilers à frente

Por que Marina veio conhecer Glória?

Glória era uma fotógrafa renomada e uma das curadoras de um museu local que costumava administrar o local com a ajuda de sua assistente Eva. Gloria foi designada como homem ao nascer, que havia feito a transição de Alessandro para mulher há alguns anos. Marina, grávida, apareceu na frente de Glória, encontrando-a pela primeira vez em quinze anos, e esta ficou chocada ao encontrar a mulher à sua porta com os filhos, Andrea e Arianna. Inicialmente, presumia-se que ambos eram amigos, mas à medida que a série avançava, tornou-se difícil não ignorar que eles estavam envolvidos romanticamente quando Gloria era homem.

Qual foi o passado de Marina e Glória?

Marina e Glória ficaram juntas por alguns anos quando o último era então Alessandro, que aos poucos começava a se assumir. Ambos viveram juntos como companheiros de quarto e aos poucos se tornaram amantes. Eles finalmente se separaram quando Marina percebeu que Alessandro estaria fazendo a transição para uma mulher. Também como homem, ela não se sentia atraída por mulheres, exceto por Marina. Ambos sabiam que nunca teriam futuro juntos, o que os levou a se separar e a Marina se mudar sem se despedir adequadamente.

Quem eram os pais de seus filhos?

Marina havia engravidado do filho de Glória, então Alessandro, e Andrea era seu filho, hoje com quinze anos. Marina o manteve longe de Glória por motivos óbvios e acabou se casando com Sergio. Sergio criou Andrea como se fosse sua e Marina mais tarde deu à luz seu segundo filho, Arianna. Marina e Sergio se separaram, mas ele escolheu fazer parte da vida dos filhos. Mais tarde, ela se envolveu com um maníaco por controle chamado Pietro, que era o pai de seu terceiro filho.

Será que Marina sofria de uma doença terminal?

Marina entrou à força na vida de Glória, que não gostava muito de ter o antigo amante e os filhos. Glória, porém, percebeu que havia algo estranho no súbito reaparecimento de Marina em sua vida. Ela devia ter planejado trazer os filhos junto, enquanto Glória estava satisfeita com sua vida de solteira, mas não sabia como lidar com a situação. Ela também ofereceu dinheiro a Marina na esperança de que pudessem deixá-la em paz. Porém, os filhos de Marina não estavam satisfeitos com o comportamento de Glória e também não sabiam por que a mãe queria ficar com ela. Glória logo soube que Andrea era seu filho, enquanto Sergio, por outro lado, estava atrás de Marina, cujo único objetivo era garantir que André e Arianna estivessem seguros. Enquanto isso, Pietro era possessivo com Marina grávida e seus filhos. Marina escondia muitos detalhes importantes e Glória tinha dificuldade em decifrar a intenção de sua visita.

Quem levou Marina de volta ao hospital?

Enquanto Pietro tentava entrar em contato com Marina, ele se encontrou com Glória. Pela breve conversa com Marina, Gloria rapidamente presumiu que Pietro era uma má notícia e que ela precisava manter Andrea longe desse homem. Sergio estava na cidade seguindo Marina e os filhos e se juntou a Glória para enfrentar Pietro. Glória e Sérgio conseguiram afastar Pietro, mas ele ainda estava foragido e representava uma ameaça para Marina.

Enquanto isso, Marina entra em trabalho de parto e quer que Glória esteja ao seu lado. Marina provavelmente queria que seu ex-amante explorasse os instintos de seus pais. O plano era aproximar Glória da criança e, como extensão, ela daria um jeito de se dar bem com André. Marina deu à luz um menino e a família ficou em êxtase até que o médico deu a má notícia a Glória.

Por que Marina fugiu?

Glória foi informada sobre o tumor cerebral de Marina e a possibilidade de fazer quimioterapia. Ela confronta Marina sobre o mesmo com Sergio na sala. Ambos estavam preocupados com ela e se perguntavam se ela o colocaria em contato com Gloria para que Andrea e ela pudessem se relacionar e o menino não ficasse com apenas um dos pais. Marina falou sobre sua doença, mas optou por fugir do hospital na esperança de morrer longe da família sem causar dor aos filhos. Foi Glória quem a convenceu a voltar e optar pela cirurgia e outros tratamentos. Enquanto isso, Glória transferiu Sergio e os filhos para outra propriedade dela para garantir que Pietro não viesse procurar nenhum deles.

Por que Marina conheceu Pietro?

Como todos ao redor de Marina sabiam de sua doença terminal, ela também teve que compartilhar a mesma informação com Pietro. Como ele era o pai de seu filho recém-nascido, Salvatore, ela presumiu que era seu direito saber que ela não viveria muito. Pietro estava animado para conhecê-la, mas isso não durou muito depois que ele soube de sua doença. Pietro, sendo ele mesmo, não confiou nas palavras dela e a jogou do terraço do prédio do hospital, matando-a instantaneamente. O objetivo de se livrar dela em um ataque de raiva era demonstrar seu comportamento volátil e o fato de que ele nunca confiaria nas palavras dela. Infelizmente, Marina teve que salvar seu filho Salvatore ao custo de sua vida, e Pietro escapou ileso por enquanto.

Para onde Gloria mudou a família de Marina?

A morte de Marina foi um choque para todos, principalmente para Glória e Sérgio. Embora a polícia e o médico classificassem a morte como suicídio, Glória se recusava a acreditar que Marina tomaria tal medida. A polícia, porém, descobriu que Marina havia falado com Pietro e Glória também percebeu o papel dele na morte do ex-amante. Preocupada com a possibilidade de Pietro vir atrás de Salvatore e do resto da família de Marina, Glória os mudou para a casa de sua irmã no campo. Gloria queria garantir a segurança dos filhos de Marina. Sergio também protegia as crianças, especialmente Andrea.

Por que Sergio mentiu para Glória?

Sergio conversou com Glória sobre seu vínculo crescente com Andrea, seu filho biológico. Embora Marina quisesse que Andrea e Glória estivessem próximas e desenvolvessem uma amizade, Sergio mentiu para ela e afirmou que o último desejo da ex-mulher era manter o filho longe do pai biológico. Sergio era apegado a Andrea, a quem criou como se fosse sua, o que dificultou para ele ver Glória e seu filho desenvolvendo um vínculo. Sergio queria mantê-los separados de propósito, e Glória logo entendeu que o homem estava sendo mesquinho e que a semana que ela passou protegendo ele e os filhos não significava nada para ele.

Quem informou Pietro sobre seu bebê?

Pietro chegou ao hospital procurando o endereço de Glória para localizar Salvatore. Ele não se arrependia de ter matado Marina e não tinha medo da lei. O hospital recusou-se a compartilhar quaisquer detalhes por causa das leis de confidencialidade. No entanto, ele foi ajudado por Carmine, uma enfermeira do hospital e namorado abusivo de Eva.

Eva trabalhava para Gloria, e seu chefe não gostava de Carmine a ponto de ela ter espancado o homem por machucar sua funcionária. Desde então, a animosidade só aumentou e, por despeito, ele compartilhou o endereço atual de Glória. Sendo um namorado abusivo, Carmine não se arrependia de ter prejudicado sua amante e estava demonstrando seu poder ao quebrar as regras do hospital onde trabalhava. Graças a ele, Pietro localizou Glória e Sergio. Sergio foi ferido no ataque, mas o homem não conseguiu encontrar a criança graças à presença de espírito de Glória. Glória, apesar de não se dar bem com Andrea e Sergio, queria que eles permanecessem seguros porque eram tudo o que lhe restava.

Como Gloria salvou o bebê de Marina?

Logo após o ataque a Sérgio, Glória esteve ao seu lado e o ajudou na recuperação. Foi nesse momento que Sergio revelou que a real intenção de Marina era criar um vínculo entre Andrea e seu pai biológico. Sergio sentiu vergonha de ter tentado separar os dois. Como ele testemunhou até que ponto Glória fez para salvar o filho de Marina, isso também o fez confessar seu ato. Por outro lado, Andrea distraída foi sequestrada por Pietro da propriedade de Glória e novamente abusada fisicamente pelo homem. O motivo pelo qual Andrea não confiava em Glória era sua experiência em lidar com Pietro enquanto sua mãe estava por perto. Andrea passou a amar seu pai adotivo, Sergio, mas a separação teve um impacto severo sobre ele. Seu desdém por Glória vinha da maneira como Pietro tratava ele e sua mãe; que em vez de enfrentá-lo, Marina fugiu com as crianças em busca de Glória. Andrea, porém, não foi forte o suficiente para derrubar Pietro e ficou presa até que a exigência do homem de lhe dar Salvatore fosse cumprida.

Gloria decidiu enfrentar Pietro e saiu com Salvatore, esperando que as coisas funcionassem por conta própria. Infelizmente, Sergio a seguiu e informou à polícia o local de encontro de Pietro. A essa altura, a polícia já havia estabelecido o papel de Pietro no assassinato de Marina e a exigência de extorsão que ele estava fazendo. Gloria não tinha um plano para salvar Andrea ou Salvatore, mas ela apostou e se dirigiu ao encontro com Pietro. Sergio, por outro lado, queria ajudar Glória e não fez questão de mandá-la embora sem a devida proteção policial. Pietro era um homem perigoso e, bem no meio da cidade, eclodiu uma briga entre Sergio e o próprio assassino. Sergio queria ajudar Glória porque ela se encarregava de proteger a família, enquanto Sergio percebia que era hora de salvar Salvatore e Andrea, junto com a ex-amante de Marina.

Em pouco tempo Pietro foi morto e todos foram salvos. Sergio o matou porque o homem estava perseguindo pessoas que amava. Mesmo que toda a sequência da luta tenha sido um pouco estranha, o resultado positivo da briga ajuda a história a terminar em alta. Esta foi uma luta clássica entre o bom (Sergio) e o mau (Pietro), aliás ligada através de Marina. Glória foi quem salvou o bebê Salvatore e garantiu que tudo se encaixasse, só que sem Marina por perto.

A minissérie terminou com a família voltando a se unir, com Gloria e Sergio confessando seu amor um pelo outro. Essa devia ser a história de amor mais bizarra, já que ambos eram ex-parceiros de Marina. Bem, os programas italiano e espanhol são conhecidos por explorar esses temas tabus, e essa combinação tornou a relação entre todos eles ainda mais complicada e estranha. As crianças, no entanto, ficaram felizes com o rumo dos acontecimentos e Andrea lentamente passou a aceitar Gloria como sua mãe. Com a união de Sérgio e Glória, os filhos passaram a ter uma família feliz para admirar.